Evangelho - Mt 17,14-20

“Entender a vontade de Deus nem sempre é fácil, mas crer que Ele está no comando e tem um plano pra nossa vida, faz a caminhada valer a pena”.

Então, os discípulos lhe perguntaram em particular: “Por que não pudemos nós expulsar esse demônio? Jesus respondeu-lhes: Por causa de vossa falta de fé!”. Esse demônio significa todos os males que hoje estão presentes em nossa sociedade: consumismo, egoísmo, desigualdade social, apego aos bens materiais entre tantas outras coisas que sabemos que sufocam nosso cotidiano.E nós também não agimos como os discípulos? Quantas vezes nos falta a fé?
“Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie.” Efésios 2:8-9
Vejam que presente Deus nos concedeu, a fé, porém para que esse presente permaneça dentro de cada um de nós, precisamos alimentá-lo, e como podemos fazer isso?
Através da busca diária da palavra do Senhor, também necessitamos meus irmãos, reconhecer na presença de Deus nossa falta de fé, assumir que muitas vezes deixamos essa dúvida crescer, e assim diminuir nossa fé.
Precisamos depositar toda nossa confiança em Deus, quando estamos orando, conseguimos ter uma intimidade com nosso Senhor, é um momento misericordioso, e necessitamos muito desses momentos, pois o mundo quer nos provar ao contrário, que não devemos confiar nesse Deus maravilhoso, são os demônios que nos assombram.
Vamos pedir a Deus para remover a nossa pedra, aquilo que nos impede de crescermos na fé.
Nesse Evangelho, o pai vai ao encontro de Jesus para buscar a cura de seu filho; ele mostrou ter fé, acreditava que alcançaria essa cura tão esperada, assim deve ser o homem que teme a Deus, ter coragem e ir em busca daquele mal que o consome.
Meus queridos irmãos, jamais esqueçamos que: "O Senhor é o meu pastor, nada me faltará", por isso vamos entregar o nosso coração,a nossa vida e alimentar a nossa fé para que esses "demônios" que sempre nos rondam se afaste de nós, para que estejamos cada vez mais próximo do Pai.

(Adriana Martins - Minions Católicos)